Luzilândia Julina 2018, o melhor São João da região das Águas

O Luzilândia Julina foi realizado em três dias, trouxe como tema a casa de farinhada, uma maneira de homenagear a cultura das farinhadas

Primeiro dia

Na noite da última sexta-feira (20), o Luzilândia Julina, teve sua abertura oficial com um grande show pirotécnico, que direcionou os olhares para o céu sobre o complexo julino. Após os fogos, o secretário de Cultura Jhon Lima, falou sobre a escolha do tema, que foi motivada como uma homenagem à cultura da farinhada, no Brasil, Piauí e principalmente em Luzilândia. Enfatizou a grandeza do evento, não apenas no quesito cultural, mas na geração de renda dos ambulantes e outros setores. Ressaltou a importância da parceria entre as secretarias do Governo para a realização do evento, e agradeceu o apoio dado a alguns grupos culturais que já se apresentam desde maio em outras cidades.

Antes das apresentações previstas, foi feita a encenação de uma peça de  teatro, dirigida e produzida pela incentivadora cultural Júlia Ribeiro.

O prefeito Ronaldo Gomes, em sua fala, mostrou-se satisfeito com o evento, e afirmou que continuará a incentivar a cultura de Luzilândia. Estiveram prestigiando o evento, a secretária de Educação Socorrinha Meireles, que também esteve diretamente engajada na realização do festival, a secretária de Assistência Social, e outros secretários do Governo, a vereadora e presidente da câmara municipal de Luzilândia Nazinha, e membros do legislativo, autoridades do município e também autoridades do governo.

A quadrilha Brilho Matuto do Serviço de Convivência e Fortalecimento de vínculos (SCFV), levou nos rostos das crianças e adolescentes um sorriso satisfeito e alegre, com uma coreografia animada e o entusiasmo dos participantes, mostrou organização e o belíssimo trabalho dos profissionais que acompanham esses jovens.

As putas virgens, em sua apresentação sempre irreverente, arrancaram sorrisos do público, como fazem por onde passam.

Os idosos mais uma vez surpreenderam, com sua disposição e o carisma inigualável durante a apresentação, conseguindo além de agradar, concentrar os espectadores.

As apresentações culturais foram finalizadas com a junina Luar do Sertão de Esperantina, que foi campeã do Luzilândia Julina em 2017. Nesse ano, com uma temática que versava entre ritmos musicais, e figuras alusivas ao cangaço, fez uma bela apresentação, com música ao vivo, dando ainda mais originalidade à junina.

A primeira noite do Luzilândia Julina, foi encerrada com shows musicais, o cantor Machuca, trouxe o forró pé de serra em seu repertório, e abriu os shows, seguido do fenômeno Felipão, atração principal, que entrou em cena e fez uma grande apresentação para  a multidão, aproveitou o momento e chamou o prefeito ao palco para agradecê-lo pelo convite para retornar à Luzilândia. Quem encerrou a noite foi o cantor local, Del forrozeiro, que trouxe um repertório atual e dançante, animando o público até o nascer do dia

Segundo dia

O segundo dia do Luzilândia Julina, foi aberto com apresentações musicais do cantor Levi Ageu e do Machuca no pé de serra. Mas as apresentações das juninas eram as atrações mais esperadas da noite. Diante da desistência de 06 juninas, apenas 04 subiram ao tablado, mas foram suficientes para causar no público uma grande admiração.

Juninas que encantaram com suas apresentações, cenários, enredo que diversificando em seus temas, que foram desde figuras mitológicas, bonecos de madeira a bailarinas, cada apresentação foi uma amostra do potencial cultural regional no quesito quadrilhas juninas.

Ao final, a junina de Barras Mandacaru levou o título de campeã 2018. Ficando com o segundo lugar a junina de Joaquim Pires Amor Nordestino e em terceiro lugar o junina Lumiar de Parnaíba.

Também houve premiações destaques para o melhor marcador, rainha, casal de noivos e melhor cangaço.

A noite foi encerrada com o show das atrações musicais, Canários do Reino e forró Talismã.

Terceiro dia

A maior e melhor festa de São João da região das águas, fez uma grande programação para o último dia, e realmente impressionou o público, com apresentações de danças portuguesas, danças indígenas e bois, finalizando com a participação da quadrilha da administração.

Última noite de Luzilândia Julina, e as expetativas se voltavam para as atrações culturais que se apresentariam no tablado, foi então que a magia e o encanto das danças e bois, trouxeram uma visão da riqueza cultural e do potencial desses grupos culturais para o público que lotava o quadrilhódromo do complexo. Uma verdadeira festa cultural, onde a mistura de ritmos que versava entre as portuguesas, danças indígenas e os bois, fizeram uma composição perfeita para a admiração dos espectadores.

E a entrada da quadrilha da administração para fechar as apresentações, foi o momento de descontração tanto para o público, quanto para integrantes, com a presença do prefeito Ronaldo Gomes, da secretária de Educação Socorrinha Meireles, de secretários do Governo e chefes de departamentos, vereadores, membros do governo, contou também com a participação do deputado Evaldo Gomes, do Dr. Marcos Vinicius e da Dra. Marina, todos comandados pelo coordenador do centro dos idosos Domingos Rocha, fizeram uma simples e bonita apresentação.

O show da banda Mastruz com leite, cantando um repertório variado, mas que muito animou com o famoso forró das antigas, fez o público cantar junto e sonoramente diversas canções, além de lotar a arena do palco principal. Quem finalizou a noite foi a banda forró Xique, já conhecida do público por uma grande animação em sua apresentação.

Assessoria de Comunicação

Fotos: JotaB Damasceno / Valéria Paiva/ Thaynar Mello/ Cássio Sousa

Fotos aéreas: Maicon Sousa